Banco Itaú e Itaucard integram central de atendimento com DMA



DialMyApp transforma atendimento telefônico em experiência visual na tela do smartphone.

Quem entrou em contato recentemente com alguma central de atendimento do Banco Itaú, Itaucard ou da Credicard percebeu que uma mensagem de voz pede para que o usuário olhe a tela do celular antes de continuar a ligação. Ao olhar no display do celular aparece uma espécie de “miniaplicativo” com opções que direcionam o usuário para o aplicativo da própria instituição (caso ele esteja instalado) ou então sugerem a instalação na loja de aplicativos oficial do sistema operacional.

Tecnologia estimula uso dos aplicativos em vez da ligação telefônica.

DMA na Central de Atendimento Itaú

Com a tecnologia, menu interativo aparece na tela do celular sempre que o cliente entra em contato com a central de atendimento. (imagem: reprodução site DMA)

O DialMyApp (DMA) facilita o dia a dia dos consumidores pois evita que eles tenham que recorrer a tradicional URA (Unidade de Resposta Audível) da Central de Atendimento; ao ligar na central de atendimento o usuário recebe um “atalho” na tela do celular para acessar os principais serviços do aplicativo da instituição financeira sem que precise entrar em contato com a central de atendimento.

Fundada em 2014, a DialMyApp (DMA) é uma multinacional com sede na Suíça que oferece uma solução patenteada que melhora a experiência no atendimento ao consumidor ao permitir que transações sejam realizadas pela tela do smartphone. Além da Suíça, a DMA tem escritórios regionais no Brasil (São Paulo), Israel (Tel Aviv) e no México (Cidade do México).

Além do Banco Itaú e das centrais de atendimento de cartões da instituição (Itaucard e Credicard), no Brasil o DialMyApp também é utilizado por cinco grandes operadoras de telefonia móvel, são elas: Vivo, Claro, Oi, Tim e Nextel.

Para que o serviço funcione o cliente precisa ligar de um smartphone compatível com o serviço. A compatibilidade se dá pela instalação direta ou indiretamente do VCX (Experiência Visual do Consumidor) da DialMyApp, que pode ser instalado direta ou indiretamente pelo consumidor.

Por meio de parcerias com os desenvolvedores e com as próprias empresas que disponibilizam o serviço, a DMA possui o VCX “embarcado” em milhões de smartphones. O app das operadoras que utilizam o serviço, por exemplo, já viabilizam o uso da tecnologia.

Basicamente, o serviço funciona da seguinte forma:

O cliente tem um app com o VCX integrado (direto ou indiretamente por meio de outro aplicativo), ao fazer uma ligação para uma central de atendimento que possua o serviço o “app” identifica a compatibilidade com a “URA VISUAL” e exibe um menu visual na tela do aplicativo antes que o usuário complete a ligação.

Note, porém, que nem todos os smartphones são compatíveis com a tecnologia. Basicamente, se você possui um aplicativo com o DMA “embarcado” o serviço funciona; do contrário a ligação para a central de atendimento será completada normalmente.

Ademais, para que o serviço funcione é necessário que no aplicativo parceiro o usuário tenha concedido permissão para acesso aos logs de chamadas para que, assim, o menu digital seja exibido na tela do smartphone sempre que o usuário entrar em contato com a central de atendimento.

O serviço ainda é “privacy-friendly”, visto que a DMA não guarda nenhuma informação dos consumidores; apenas exibe uma “tela” com um atalho para o acesso ao serviço pelo aplicativo oficial daquela empresa em que o consumidor tenta entrar em contato telefônico.

COMO FUNCIONA O DIALMYAPP NA PRÁTICA

Ao ligar para uma central de atendimento que seja integrada ao serviço. Por exemplo, o número 3003-3030 (central de atendimento de cartões Itaucard), o atendimento eletrônico dirá para que o usuário olhe na tela do celular antes de continuar a ligação.

Na tela do smartphone aparecem os principais serviços, dentre os quais: consulta de extrato, limite, informar perda ou roubo de cartão, pagar contas, segunda via de fatura, etc. Caso nenhuma das opções resolva o problema o cliente tem a opção de clicar em “continuar a ligação” e, assim, voltar ao atendimento telefônico com a central de atendimento.

Para o consumidor a novidade traz mais agilidade, visto que os principais produtos e serviços já podem ser acessados pelos apps da instituição financeira. Já a instituição financeira sai ganhando pois reduz a demanda pelo atendimento telefônico e, consequentemente, melhora o atendimento para aqueles que realmente precisam utilizar a Central de Atendimento.

No vídeo abaixo [em inglês] é possível ver como o serviço funciona:

COMO TESTAR O SERVIÇO

Ficou interessado em testar como o serviço funciona? Então entre em contato com a central de atendimento de qualquer uma das empresas que já oferecem a tecnologia no Brasil:

  • Oi;
  • Claro;
  • Vivo;
  • Tim;
  • Nextel;
  • Banco Itaú;
  • Itaucard;
  • Credicard;

Caso entre em contato e o menu digital não apareça na tela do seu smartphone, tente instalar o aplicativo de qualquer uma das empresas citadas acima (mesmo que ainda não seja cliente); daí é só abrir o app e conceder todas as permissões solicitadas.

Se preferir, há ainda o aplicativo da própria DMA que já traz o VCX integrado.

O aplicativo com o VCX identificará a ligação e exibirá um “miniaplicativo” na tela do seu smartphone. Note, porém, que essa tela é apenas um atalho para os aplicativos oficiais das próprias empresas; por exemplo, Banco Itaú, caso ligue para a central de atendimento; Oi se ligar para a central da Oi; e assim por diante.

A experiência com o DMA é incrível, pois estimula o uso dos aplicativos e, ao mesmo tempo, elimina a necessidade de gastar dinheiro com a ligação telefônica.





Secured By miniOrange